Lactium – Cápsulas que Melhoram o Sono

Lactium – Cápsulas que Melhoram o Sono

O desejo de uma grande parte das pessoas, de diferentes idades, que se declaram atormentadas pelo estresse, seja aquele ocasionado pelas pressões do dia a dia, por estarem vivenciando algum trauma ou por características da própria personalidade, é ” ficar tranquilo e dormir como um bebê”.

Observando a calma dos bebês após ingerirem leite morno, pesquisadores do Laboratório de Biociências de Alimentos da Nancy University (França) questionaram se havia uma relação entre a hidrólise das proteínas do leite e a calma expressada pelo bebê. Posteriormente, demonstraram que o efeito tranquilizador do leite não era somente devido ao esforço da sucção ou a saciedade, mas provinha do próprio leite.

Após extensas pesquisas, chegou-se ao desenvolvimento do Lactium, um ativo 100% natural, composto por biopeptídeos extraídos da caseína do leite, que possui propriedades relaxantes, sem causar sedação, relaxamento muscular ou perda da memória. Lactium ajuda na melhora do cansaço excessivo, falta de motivação e de concentração, aparecimento de problemas digestivos.

O ativo é totalmente seguro e pode ser indicado para grávidas, lactantes, idosos e crianças com hiperatividade sob supervisão do médico ou nutricionista. Além disso, mesmo sendo uma substância extraída da caseína do leite, é considerada lactose free.

O tempo para verificação dos resultados deste ativo no organismo vai depender do grau de estresse que o indivíduo apresenta. No entanto, estudos realizados afirmam que os efeitos positivos do Lactium levam, em média, uma semana para serem notados.

Benefícios:

  • Proporciona alívio de sintomas relacionados ao estresse;
  • Melhora a qualidade do sono;
  • Ajuda na melhora da pressão arterial em níveis adequados;
  • Não interfere no ganho ou perda de peso

 

Está com alguma dúvida? Quer um atendimento personalizado?
Converse conosco clicando no botão abaixo!

Atendimento Farmacêutico

 

Bibliografia
1. CASTIEL,_ L._ D._O estresse na pesquisa epidemiologia: o desgaste dos modelos de explicação coletiva do processo saúde doença._ PHYSIS:_ Rev._Saúde_Coletiva,_15(Suplemento):_p.103_120,_Rio_de_Janeiro,_2005;_
2. SAINT_HILAIRE,_ Z. et al. Effects of a bovine alpha S1 Casein tryptic hydrolysate (CTH) on sleep disorder in Japanese general population. The_Open_Sleep_Journal,_p.26_32,_2009;_
3. KOROKOLVAS,_ A.;_ BURCKHALTER,_ J._ H._Química Farmacêutica. _ Ed.Guanabara_Koogan,_RJ,_2008;_
4. LECOUVEY,_M._et al. Conformational studies of a benzodiazepine like peptide in SDS micelles by circular dichroism, HMR and molecular dynamics simulation. _Letters_in_Peptide_Science,_p.359_364,_1997;__

 

 

Os Benefícios dos Probióticos na Saúde da Mulher

Os Benefícios dos Probióticos na Saúde da Mulher

Probióticos são micro-organismos que ao serem administrados em quantidades adequadas, conferem benefícios para a saúde do hospedeiro.  Eles são utilizados na prevenção e no tratamento de algumas patologias, como infecções do intestino, estômago e também melhora a imunidade do organismo.

Os lactobacilos não combatem diretamente os micro-organismos prejudiciais à saúde e que vivem nos intestinos, mas contribuem para reduzir a sua proliferação através de seus “antibióticos” naturais e, principalmente, pela competição por nutrientes.

Os probióticos demonstram eficácia no tratamento de vaginoses bacterianas, por auxiliarem na homeostase e na  regulação da população bacteriana vaginal. A administração de probióticos é segura e eficaz no alivio dos sintomas relacionados as infecções vaginais como desconforto e inchaço, além de melhorar a qualidade de vida das pacientes.  Para maiores informações consulte um de nossos farmacêuticos ou outro profissional da saúde.

Está com alguma dúvida? Quer um atendimento personalizado?
Converse conosco clicando no botão abaixo!

Atendimento Farmacêutico

 

 

Lipo PS20 – Envelhecendo com qualidade

Lipo PS20 – Envelhecendo com qualidade

A Phytoart está na vanguarda da manipulação de ativos inovadores como o Lipo PS20 que é um ingrediente funcional baseado em fosfatidilserina, o principal fosfolipídeo encontrado no cérebro.

O ativo é derivado da soja, padronizado em fosfatidilserina 20% e fosfatidilcolina 20%, onde seus principais benefícios são:

  • Neuroproteção cerebral,
  • Melhora da memória curta e longo prazo;
  • Proteção contra os danos causados pelos radicais livres;
  • Aumento do desempenho físico e resistência muscular;
  • Aprendizado e tempo de reação mais rápido;
  • Melhora no Déficit de Atenção.

Com esses benefícios do Lipo PS20, podemos diminuir sintomas de algumas doenças neuro degenerativas, como o Alzheimer, que afeta as capacidades de trabalho, relações sociais, influenciando no comportamento e na personalidade do paciente.

Dentre os vários estágios da doença, é na fase inicial que o paciente apresenta perda de memória baseada em acontecimentos mais recentes, e tem a capacidade de manter lembranças de sua memória de longo prazo. A doença restringe o paciente na sua fase mais avançada, até mesmo de realizar rotinas básicas de higiene pessoal e alimentação.

Não se conhece a causa específica da doença de Alzheimer, parece haver certa predisposição genética para seu aparecimento. Nesses casos, ela pode desenvolver-se precocemente, por volta dos 50 anos.

Quando diagnosticada a doença no início, é possível retardar o seu avanço e ter mais controle sobre os sintomas, garantindo melhor qualidade de vida ao paciente e à família.

Um bom tratamento farmacológico associado à hábitos saudáveis, auxiliam na prevenção da doença.

 

Está com alguma dúvida? Quer um atendimento personalizado?
Converse conosco clicando no botão abaixo!

Atendimento Farmacêutico

 

Referências: www.drauziovarella.com.br/envelhecimento/alzheimer-2www.alz.org/br;

 http://bases.bireme.br/cgi-bin/wxislind.exe/iah/online/?IsisScript=iah/iah.xis&src=google&base=LILACS&lang=p&nextAction=lnk&exprSearch=411332&indexSearch=ID

Abreu, Izabella Dutra de; Forlenza, Orestes Vicente; Barros, Hélio Lauar de Demência de Alzheimer, correlação entre memória e autonomia; junho 2005.

 

 

Cuidados para uma unha saudável

Cuidados para uma unha saudável

O verão é a estação do ano onde temos que tomar certos cuidados para evitar a contaminação de fungos, principalmente a micose de unha.
Para manter nossas unhas saudáveis e livres de infecções podemos usar como aliado, o óleo de cravo ou o óleo de melaleuca. Eles têm os seguintes benefícios:

• Fortalecer e revitalizar as unhas;
• Regenerar unhas deformadas;
• Efeito antisséptico, diminuindo a proliferação de bactérias e fungos;
• Aumenta a resistência da queratina à invasão dos fungos.

A micose de unha é uma infecção causada por fungos que se alimentam da queratina. Geralmente as unhas dos pés são as mais afetadas por estarem em ambientes úmidos, escuros e quentes. Esse ambiente é considerado ideal para o crescimento dos fungos.
Os fungos causadores da micose de unha geralmente são adquiridos em ambientes como:

• Banheiros;
• Chuveiros;
• Vestiários;
• Piscinas públicas;
• Salões de beleza.

Utilizar espaços públicos descalços e/ou desprovidos de correta higiene, podem ter uma alta probabilidade de adquirir a infecção.
Em geral, a micose de unha costuma apresentar um ou mais dos seguintes sinais:

• Unha mais espessa;
• Frágil e quebradiça;
• Deformações;
• Perda do brilho da unha, deixando-a opaca;
• Escurecimento da unha;

Hábitos de higiene pessoal como evitar andar descalço, não usar calçados fechados, evitar usar sequencialmente o mesmo calçado, usar somente o seu material de manicure, ajudam na prevenção e na manutenção de unhas saudáveis.

O óleo de melaleuca ou de cravo pode ser utilizado antes ou depois da aplicação do esmalte, como preventivo.

É recomendado realizar sempre a higiene dos calçados deixando-os limpos e arejados após o uso.

 

Está com alguma dúvida? Quer um atendimento personalizado?
Converse conosco clicando no botão abaixo!

Atendimento Farmacêutico

 

 

DM II CONTRA A DIABESIDADE (Obesidade associada à Diabetes)

DM II CONTRA A DIABESIDADE (Obesidade associada à Diabetes)

Deixe a Diabetes bem longe de você!
Vamos lutar contra a Diabesidade!
A palavra do momento é prevenção.

As medidas essenciais tanto para a prevenção como para o tratamento da “diabesidade” são a perda de peso e o exercício físico regular.
Podemos associar a isso o uso de alguns nutracêuticos, entre eles DM II um complexo com cromo exclusivo e patenteado.
O cromo é um elemento essencial sendo considerado um dos principais minerais necessários ao equilíbrio do nosso organismo.
DM II, pela influência do cromo, é capaz de auxiliar na redução dos níveis de glicose sanguínea. Modula os níveis de liberação de insulina e desta forma controla a resistência a mesma.
• Prevenção de diabetes tipo II
• Prevenção e coadjuvante no tratamento de síndromes metabólicas como obesidade
• Auxiliar na diminuição dos níveis de glicose no sangue
• Manutenção da saúde cardiovascular

Nas últimas décadas a prevalência da obesidade vem aumentando consideravelmente, constituindo um dos maiores problemas atuais de saúde pública, especialmente nos grandes centros urbanos. A obesidade é o maior fator de risco para o desenvolvimento de diabetes do tipo II, além de estar associada a doenças cardiovasculares como hipertensão arterial e colesterol.
Um dos principais fatores relacionados com obesidade como risco para a mortalidade cardiovascular é o fato de ela propiciar o aumento de casos novos de diabetes. Por esses motivos, a atual epidemia, muitas vezes denominada como “diabesidade”, precisa ser mais bem entendida para se obter um melhor controle.
As pessoas, cuja gordura se acumula em volta da cintura, têm um maior risco de se tornarem resistentes à insulina. Não é coincidência que os casos de diabetes tipo II têm vindo a aumentar, acompanhando a tendência global de aumento da obesidade.
DM II é uma excelente escolha para prevenir a Diabesidade.

Está com alguma dúvida? Quer um atendimento personalizado?
Converse conosco clicando no botão abaixo!

Atendimento Farmacêutico

 

Referências:
1.http://www.eufic.org/
2. Gomes M, Rogero M, Tiragegui M. Considerações sobre cromo, indulina e exercício físico. In: Revista Brasileira de Medicina do Esporte 2005; 11(5): 262-266
3. RUIZ, K. Nutracêuticos na Prática – Terapias baseadas em evidências. INNEDITA: Jundiaí-SP, 2012

 

 

Vitamina D – O sol em gotas, que se torna indispensável para a manutenção da sua saúde.

Vitamina D – O sol em gotas, que se torna indispensável para a manutenção da sua saúde.

Antigamente tínhamos a ideia de que a vitamina D fosse essencial para a saúde dos ossos e dos dentes apenas, porém estudos recentes têm comprovado o papel de suma importância da vitamina D para o bom funcionamento do corpo humano.

A vitamina D é uma vitamina lipossolúvel, produzida pelo nosso próprio organismo, quando raios ultravioletas atingem a pele durante a exposição solar (pelo menos de 10 a 20 minutos diários).

O nosso estilo de vida atual como trabalhar em ambientes fechados, com ar condicionado e sem ao menos ver a luz do dia, tem contribuído para o crescente número de casos de deficiência de vitamina D, ainda quando pensamos no inverno e em países onde a maior parte do ano não há luz solar, para que essa vitamina seja produzida, se torna ainda mais assustador.

A melhor maneira de descobrirmos a deficiência de vitamina D é realizando exames laboratoriais, mas a preocupação com algumas situações recorrentes de enfermidades e a noção da importância de seu uso, faz com que possamos refletir melhor, como:

  • Gripes – A deficiência de vitamina D predispõe a crianças terem mais episódios de doenças respiratórias;
  • Fraqueza muscular – Para que o músculo esquelético funcione adequadamente é importante a presença de vitamina D;
  • Psoríase – Uso de Vitamina D é útil no tratamento de psoríase, que é uma doença autoimune, que surge na pele;
  • Doença renal crônica – Principalmente aqueles que fazem diálise, são incapazes de produzir a forma ativa de vitamina D;
  • Diabetes – A suplementação reduz em 80% o risco de diabetes tipo I;
  • Asma –Vitamina D pode reduzir a gravidade dos ataques de asma;
  • Doença periodontal – Para aqueles que sofrem com o inchaço e sangramento da gengiva, a vitamina D aumenta os níveis de defesa e diminui o número de bactérias da boca;
  • Doenças cardiovasculares – Mulheres com níveis baixos de Vitamina D tiveram aumento de 67% no risco de desenvolver hipertensão;
  • Esquizofrenia e Depressão – Essas doenças têm sido associadas aos níveis baixos de vitamina D em diversos estudos;
  • Câncer –Estudos comprovam a redução no risco de câncer de mama.

Todos os dados acima citados estão embasados em estudos que comprovam a veracidade dos fatos e destacam a prevenção de diversas doenças com a suplementação de vitamina D.

Existem alguns grupos que estão mais susceptíveis a deficiência de vitamina D, são eles:

  • Recém-nascidos – amamentação exclusiva (suplementação ligada aos níveis maternos);
  • Idosos – Dificuldade de produzir vitamina D;
  • Muçulmanos – Devido à crença, limitam a exposição solar por conta de suas vestes (devem cobrir o corpo por inteiro);
  • Afrodescendentes – Possuem maior concentração de melanina na epiderme e reduz a habilidade da pele em produzir vitamina D;
  • Doenças Inflamatórias intestinais – A absorção de vitamina D fica prejudicada;
  • Obesos ou pós cirurgia bariátrica – Apresentam níveis reduzido de vitamina D. Obesos em comparativo com indivíduos dentro do peso ideal (IMC – índice de massa corpórea inferior a 30) e quando pós-bariátrica, deve-se ao próprio procedimento cirúrgico, onde é retirado uma parte do intestino, onde a vitamina D é normalmente absorvida.

Caso você se enquadre em alguns dos casos acima, não perca tempo! Realize exames laboratoriais, vá ao médico e busque orientações de qualquer profissional da saúde.

E lembre-se: o sol em gotas – como a vitamina D é apelidada, deve ser administrada com orientação, pois assim como a sua a ausência o seu excesso pode gerar problemas.

 

Está com alguma dúvida? Quer um atendimento personalizado?
Converse conosco clicando no botão abaixo!

Atendimento Farmacêutico

 

Referências:

bedmed
scielo
vitaminadbrasil.org
sites.uai